Notícias

Sou da Paz lança campanha contra decreto de posse de armas

 
O Instituto Sou da Paz, organização não governamental que atua na formulação de políticas públicas de segurança e prevenção da violência, lançou nesta terça-feira (15), pelas redes sociais, uma campanha contra o decreto que facilita a posse de armas.
 
 
A primeira peça foi publicada na noite desta segunda-feira (14) no Facebook da ONG e indaga: “Quem lucra com o sucateamento das polícias e com a liberação das armas?”, com a hashtag #NãoTáTudoBem.
 
“Em vez de investir em políticas públicas eficientes para prevenir os crimes e a violência, querem transferir para você a responsabilidade de combater o crime – mesmo sabendo dos riscos a todos que envolvem a posse de uma arma (inclusive a de ser roubada, já que custa tão caro). Precisamos valorizar o salário e o trabalho de policiais, e também adotar medidas para que não morram dentro e fora de serviço, pois mesmo treinados muitos morrem”.
 
Uma segunda peça reforça a ideia de que só ricos poderão ter armas em casa. “Com o preço de uma pistola”, diz o Sou da Paz, é possível comprar uma geladeira, um fogão, uma máquina de lavar roupas, uma TV de 32 polegadas e um micro-ondas.
 
A campanha afirma que, ao facilitar o acesso a armas, o Planalto está repassando ao cidadão uma responsabilidade que, na verdade, é dele. “Se você está doente, o governo não te pede para comprar um bisturi e se operar. Então por que se você sofre com o crime tem que se proteger sozinho?”, diz uma das peças.
 
O Sou da Paz quer levar a ofensiva publicitária anti-armas para a televisão e para o rádio ainda em janeiro. O instituto acredita que a política adotada fará “o número alarmante de 43 mil homicídios anuais cometidos com armas de fogo crescer ainda mais”.
 
Decreto
 
O decreto que facilita a posse de armasfoi assinado nesta terça-feira (15). O decreto está em discussão desde os primeiros dias do governo, por ser tratado como uma promessa de campanha. O atual presidente da República é um antigo crítico do Estatuto de Desarmamento e, durante a campanha eleitoral, defendeu a reformulação da legislação.
 
Revista Fórum com informações da Folha de S.Paulo

Publish the Menu module to "offcanvas" position. Here you can publish other modules as well.
Learn More.

Em que podemos ajudar?

Em que podemos ajudar?