fbpx

Imigrantes e Refugiados: reunião de incidência pública em SP

 
No dia 28 de março de 2019, na cidade de São Paulo, foi realizada uma reunião com o objetivo de conhecer as ações de incidência que órgãos públicos e organizações da sociedade civil estão realizando para promover e defender os direitos da população imigrante e refugiada na cidade.
 
Participaram desta atividade a coordenadora do CRAI – Centro de Referência e Atendimento para Imigrante, Sávia Cordeiro; Alejandra Hernandez y Wilbert Rivas representantes de PALM – Presença da América Latina; os coordenadores do CAMI – Centro de Apoio e Pastoral do Migrante, Roque Pattussi e Carla Aguiar; Silvano Miró, da Ordem Ecumênica da Caridade; Gedeão Freire Alencar, da Igreja Betesda; Valeria Vilhena, Evangélicas pela Igualdade de Gênero; Romi Bencke, secretária-geral do CONIC, e Yury Puello articuladora do projeto “Imigrantes e Refugiados – Desafios da Casa Comum” na cidade de São Paulo. 
 
 
O projeto Imigrantes e Refugiados, citado acima, objetiva aumentar a ação de incidência pública com o fim de denunciar violações de direitos e propor estratégias para ampliar os mecanismos de proteção a esse público. O projeto é desenvolvido pelo Fórum Ecumênico ACT Brasil – FE ACT BRASIL e o CONIC – Conselho Nacional de Igrejas Cristãs do Brasil, que reúne igrejas e organismos ecumênicos comprometidos com a superação do racismo, da xenofobia e das intolerâncias contra pessoas imigrantes e refugiadas. 
 
Texto: Yury Puello 
Fotos: Acervo Pessoal / Yury Puello