fbpx

Para brasileiros, fé é mais importante que educação para mudar de vida

 
Um pesquisa do Datafolha mostrou que os brasileiros consideram a fé religiosa o fator mais importante para as pessoas mudarem de vida. O levantamento, feito em parceira com a ONG Oxfam Brasil, mostrou que 28% dos brasileiros pensam desta forma.
 
A Educação aparece com 21% dos votos e o acesso à saúde com 19%. Cultura e lazer ficaram em último lugar, com apenas 2%.
 
Apesar disso, o levantamento mostrou que oito em cada dez brasileiros acreditam que o país só vai progredir quando houver redução da desigualdade. No entanto, o investimento público em programas sociais, como o Bolsa Família, estão em último lugar na lista de políticas públicas para reduzir a desigualdade social.
 
A pesquisa também pediu para os entrevistados darem notas para as dez medidas mais importantes no combate à desigualdade. O combate à corrupção ficou em primeiro lugar, com nota 9,7. O investimento público em saúde veio em seguida com 9,6, junto com a educação.
 
Os entrevistados também citaram maior oferta de empregos, com nota 9,6, e o aumento no salário mínimo, com 9,3. Ao todo, o Datafolha e a Oxfam Brasil ouviram 2.086 pessoas em todo o Brasil.
 
Foto: Pixabay
Fonte: Pleno News com informações da Folha de S. Paulo